9 de setembro de 2011


Ontem vi-te, ao ver-te o meu coração acelarou, não sei o que me deu. As lágrimas vieram-me aos olhos... Os nossos olhares cruzaram-se, e eu vi o teu sorriso. Mas depois daquilo que eu acabei de ouvir... Não sei o que fazer. Continuo a ter duas opções, dois caminhos diferentes e não sei qual deles irei escolher! Tenho medo que a minha escolha seja a pior de todas. Entendes? Eu amo-te e por mais vezes que eu tente esquecer-te isso não resulta. Já não te via à imenso tempo, já estava com imensas saudades tuas! E vês o que deu? Sonhei contigo. Pergunto-me a mim própria se ainda tenho chances, e quando é que isto tudo vai acabar de uma vez. Mas eu estou bastante confusa e não sei o que hei-de fazer... Eu amo-te. E nunca te esqueças disso.