15 de outubro de 2013

Glee || The Quarterback



Acabei de ver o episódio de Glee, "The Quarterback". Estou sem palavras. Foi o único episódio desta série que eu vi todo e queria mesmo muito assistir mas estava a enrolar porque eu sabia que iria chorar o oceano inteiro (e mais um bocadinho) no mesmo. Lá arranjei coragem e consegui ver, mas eu solucei imenso, chorei tanto... Eu nem sou fã da série nem do Cory, mas aquilo tocou-me mesmo, pensar em perder alguém que eu amo ou o meu ídolo é terrível! Nem consigo imaginar como está a Lea, a família dele, os membros do elenco, os amigos e também os fãs... A perfomance que mais chorei deveria ter sido a da Rachel (emocionei-me imenso na mesma) mas foi mesmo a da Santana, a música ficou tão bem com a situação e a reação dela no final... eu posso-vos quase jurar que aquilo não estava nada planeado! Pareceu tão real, eu praticamente conseguia ver o sofrimento na cara dela! A minha irmã perguntou-me se eu estava bem, e não, não estou definitivamente. E aquele final...?! Chorei tanto. Cory, come back home. We miss you.

9 comentários:

Rose M. disse...

O episódio estava muito giro deu-me vontade de chorar sim mas não consegui simplesmente.
As partes mais tocantes para mim foram quando estava o Kurt, o pai dele e a mãe do Finn e aqueles dois que disseste.

Aaminah disse...

eu ainda não vi mas nem imagino o choque que terá sido para aquela gente toda. Acho que quando acontece algo do género a alguém assim conhecido tem um impacto enorme

Marta Seleiro disse...

Tenho que concordar, foi um ep. muito forte !

Olívia M. disse...

Adoro esta série, mas só a vejo quando mudo para algum canal e está a dar.

Carolina. disse...

Ainda não vi :)

ADORO o teu novo header :)

Carolina. disse...

R: É completamente diferente dos outros dois!

MC Alves disse...

meu deus, eu vi esse ep e chorei muito quando a Santana começou a chorar T-T!!

Mariana Ramos disse...

chorei imenso, acho que nunca chorei tanto com uma série na realidade

andy disse...

concordo plenamente contigo! também chorei rios.

xoxo,
andy